Valores do boi gordo seguem firmes neste início de mês

Em São Paulo, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa fechou a R$ 157,95, com ligeiro aumento de 0,15%

A baixa oferta de animais para abate mantém firmes os preços do boi gordo. Em São Paulo, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa fechou a R$ 157,95 na quarta-feira (06/04), apresentando ligeiro aumento de 0,15% em sete dias. Na segunda-feira (04/04), o Indicador atingiu R$ 159,49, maior patamar nominal de toda a série do Cepea, iniciada em 1997.

 

Quanto às exportações de carne bovina in natura, segundo dados Secex, atingiram 110,9 mil toneladas em março, patamar que não era observado desde outubro de 2014 (de 113,4 mil toneladas). Considerando-se apenas os meses de março, este foi o maior volume embarcado desde 2007 (125,5 mil toneladas), ainda conforme a Secex.

 

 

Deixe seu comentário

Leia mais