Soja - produção de soja - produtor de soja - safra de soja - farming brasil

Soja: produtores venderam 95,59% da safra 2016/2017 em Mato Grosso

O preço médio das vendas em outubro teve alta mensal de R$ 3,43 por saca, fechando a R$ 59,63 por saca

Em outubro as vendas da safra de soja 2016/2017 avançaram 2,18 pontos percentuais, atingindo o acumulado de 95,59% em Mato Grosso. De acordo com dados divulgados pelo Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea), o preço médio mensal de comercialização encerrou a R$ 58,73 por saca na média geral do estado, melhora de 5,4% em relação a setembro, o que possibilitou vendas pontuais do produtor. Já as negociações da safra 2017/2018 apresentaram o maior avanço mensal até o momento, de 11,43 pontos percentuais, atingindo o acumulado de 32,79%.

 

O preço médio das vendas em outubro teve alta mensal de R$ 3,43 por saca, fechando a R$ 59,63 por saca, puxado pelos repiques de alta nas cotações da soja em Chicago e no dólar. Nesse cenário, mesmo com o incremento nas vendas, as comercializações seguem abaixo do registrado na média dos últimos cinco anos, podendo trazer reflexos, principalmente, nos estoques finais da safra 2016/2017 e consequentemente impactar nos estoques iniciais da safra 2017/2018.

 

Preço da soja

De acordo com o Imea, na última semana, o preço interno da soja em grão exibiu ganho de 0,37% em Mato Grosso, encerrando com média de R$ 57,96 por saca. A valorização foi refletida, principalmente, pelas cotações da CBOT. O contrato para jan/18 em Chicago registrou ganho de 1,16%. A alta pauta, principalmente, aos dias anteriores à divulgação do relatório de oferta e demanda do USDA de novembro.

 

O dólar apresentou uma desvalorização na última semana de 0,58%. A especulação em torno da reforma tributária norte-americana que corre no Congresso teve maior impacto sobre a moeda. A semeadura de soja mostrou avanço de 14,85 pontos percentuais na última semana, registrando média de 79,70% em Mato Grosso.

 

Safra de soja nos EUA

O relatório de oferta e demanda de novembro divulgado pelo USDA mais uma vez trouxe surpresa ao mercado. Os números da safra 2017/2018 dos Estados Unidos mostraram uma leve redução de 200 mil toneladas na produção estimada de 120,46 milhões de toneladas, já a produtividade foi reduzida em centésimos, de 55,50 sacas por hectare para 55,44 sacas pode hectare, quando o mercado aguardava um recuo de pelo menos 0,2 sc/ha no rendimento da soja norte-americana, desencadeando as vendas.

 

Em decorrência, os estoques finais do mundo da safra 2017/2018 tiveram aumento de 1,93%, para um total de 97,90 milhões de toneladas. Com a colheita da safra norte-americana chegando à reta final, a consolidação de mais uma safra recorde nos EUA é cada vez maior. Daqui adiante as especulações do mercado se voltam, principalmente, para as condições climáticas da safra na América do Sul, que podem trazer novas perspectivas aos preços no curto prazo, informou o Imea em comunicado.

 

Conheça a revista Farming Brasil!

Farming Brasil. Ano 1, edição 3.
Farming Brasil. Ano 1, edição 3.

A terceira edição da revista Farming Brasil tem reportagem de capa sobre a plantabilidade da soja, com um dossiê completo para avaliar o solo, regular as plantadeiras, capacitar o operador da máquina e plantar com qualidade.

A revista conta também com um robusto especial sobre pecuária. A terceira edição apresenta tecnologias para as máquinas agrícolas, como os pneus radiais e as esteiras de borracha para colheitadeiras de grãos, sistemas de irrigação, tecnologia de aplicação de fertilizantes a taxa variável, energia solar e muito mais! Para adquirir a revista (R$ 14,90 + frete de R$ 6,50), clique aqui para enviar o seu pedido.

 

Cadastre-se para receber notícias gratuitamente da Farming Brasil por e-mail: sfagro.com.br/cadastro

Qual é a sua dúvida agronômica? Para pedir uma reportagem ao site SF Agro, clique aqui e envie uma mensagem para a equipe de jornalistas.

 

Deixe seu comentário

Leia mais