DATA: 26/11/2015

Recuo na produção nacional do café arábica eleva preço interno

Já o café robusta segue com as cotações internas em patamares recordes, porém o ritmo de alta sofreu redução

Durante alguns dias desta semana e da passada, os preços internos e externos do café arábica reagiram. Segundo comunicado divulgado pelo Centro De Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), os aumentos têm relação com a diminuição da safra e dos estoques brasileiros.

 

Já o café robusta segue com as cotações internas em patamares recordes, porém o ritmo de alta sofreu redução. A produção brasileira (de arábica e robusta) da safra 2015/2016 deve totalizar 49,4 milhões de sacas de 60 quilos, redução de 9% em relação à temporada anterior (54,3 milhões de sacas).

 

“Essa queda se deve à diminuição no tamanho dos grãos e às chuvas durante o início da colheita no País, que prejudicou a qualidade da bebida. No geral, as estimativas para a temporada 2015/2016 estão divergentes entre agentes e também entre órgãos oficiais”, diz o Cepea.

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.