Leite

Programa beneficia produtores de leite com animais de alto padrão genético

Desde a criação da Rio Genética em 2009, o programa promoveu a aquisição de 11 mil animais, com financiamento de R$38,5 milhões.

No sábado (16/11), mais produtores de leite das diversas regiões do estado, tiveram acesso à animais de qualidade para melhorar os seus rebanhos, na Feira Rio Genética, realizada em Cordeiro, Região Serrana. Desde sua criação, em 2009, o Programa da secretaria estadual de Agricultura, já beneficiou mais de 1.340 produtores rurais fluminenses na aquisição de 11 mil animais, com financiamento de R$38,5 milhões.

 

O elevado nível das vacas e novilhas da raça Girolando disponibilizadas, associado às condições da linha de crédito do programa, mais uma vez levou produtores ao evento. A família Hentzy foi mais uma a buscar na feira o caminho para a melhoria do seu rebanho.

 

Produtores em Cambuci, Wilson e seu filho André Costa Hentzy, que já haviam adquirido 13 animais nas feiras de Italva, em 2009, Cardoso Moreira e São Fidélis, em 2012, e Itaperuna, em 2013, saíram do parque de exposições de Cordeiro, com mais 17 novilhas que vão reforçar a produção no sítio Santo Antônio.

 

“Essa é uma ajuda muito grande do governo do estado, que devia ter aparecido há mais tempo, quando eu era mais novo. Mas fico feliz em ver meu filho tendo essa oportunidade que, certamente vai incentivá-lo a continuar na atividade quem vem de gerações”, afirma o produtor, que hoje produz, em média, 200 litros de leite por dia.

 

A quitação do financiamento da compra de seis vacas na feira Rio Genética, em Macaé, há cinco anos, motivou o produtor de leite, Ilton Tonassi, a levar novos animais para o sítio Paraíso, em Sodrelândia, 5° distrito de Trajano de Moraes. “Esse programa é muito bom para nós, pequenos produtores. Sem o financiamento não teríamos dinheiro para esse investimento”, diz.

 

 

Deixe seu comentário