Preços dos ovos aumentam durante o mês

O aumento nos valores dos insumos têm feito com que produtores reduzam a quantidade de aves alojadas

Durante a segunda quinzena do mês, o movimento de alta nos preços dos ovos ganhou força, sendo impulsionado principalmente pela menor oferta doméstica. Além dos descartes já programados de poedeiras, o aumento nos valores dos insumos mais utilizados na avicultura de postura (milho e farelo de soja) têm feito com que produtores reduzam a quantidade de aves alojadas, assim como o volume de alimento disponibilizado.

 

Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), esse cenário reforça a redução no volume produzido e, consequentemente, os aumentos nas cotações. “A demanda também segue relativamente aquecida, contribuindo para impulsionar os valores”, diz o Cepea.

 

Deixe seu comentário

Leia mais