carne
DATA: 15/10/2015

Preços do suíno vivo e da carne recuam na 1ª quinzena de outubro

Recuo de outubro contrasta com alta dos meses de agosto e setembro

Os preços do suíno vivo e da carne encerram a primeira quinzena de outubro em queda, contrariando o movimento de alta observado no mesmo período de anos anteriores. Pesquisadores do Cepea destacam, no entanto, que, em agosto e setembro, os valores registraram fortes altas, e os recuos de agora representam certa acomodação dos preços. O movimento recente de queda foi acentuado também pelas exportações abaixo do esperado em setembro, devido à greve dos fiscais agropecuários.

No mercado doméstico, diante dos valores reajustados, o consumidor começa a limitar as compras desta carne. Para os próximos dias, a expectativa de agentes consultados pelo Cepea é que a liquidez no mercado de suíno vivo volte a aumentar. Além da normalização dos embarques, frigoríficos devem elevar as compras de animais para abate, visando principalmente à formação de estoques para as festividades de fim de ano.

Fonte: Cepea

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.

Leia mais