Milho
DATA: 10/02/2016

Preços do milho seguem em alta

O volume de grãos da nova safra que chega ao mercado é baixo e não tem grandes influência sobre os preços

Os preços do milho seguem em alta na maior parte das praças acompanhadas pelo Cepea. Compradores se interessam por negociar, mas a preços menores que os vigentes. Vendedores, no entanto, limitam suas ofertas acreditando que os preços podem aumentar ainda mais, mesmo com a colheita ganhando ritmo. Nesse contexto, as negociações seguem travadas e os preços firmes. Por enquanto, é baixo o volume de grãos da nova safra que chega ao mercado, sem ter grandes influência sobre os preços.

 

Na parcial deste mês, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa apresentou leve queda de 0,38%, após a forte alta de 14,8% no mês de janeiro – na sexta-feira, 5, fechou a R$ 42,33/saca de 60 kg. Se considerados os negócios também em Campinas, mas com prazos de pagamento descontados pela taxa NPR, a média à vista foi para R$ 41,98/sc, com queda de 0,33% na parcial do mês – em janeiro, a alta foi de 15%.


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.

Leia mais