Ovos

Com oferta limitada, preços dos ovos estão em movimento de alta

Com a valorização dos principais insumos da atividade (soja e milho), produtores limitam o alimento oferecido às poedeiras

As cotações dos ovos seguiram em alta na última semana de janeiro na maioria das regiões pesquisadas pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), superando expressivamente as do mesmo período de 2015. Segundo colaboradores, os descartes de galinhas ocorridos no final de dezembro e início de janeiro refletiram em uma menor oferta.

 

Além disso, com os principais insumos da atividade – soja e milho – em forte valorização, produtores limitaram a quantidade de alimento oferecido às poedeiras, principalmente as mais velhas. Isso porque pretendem normalizar a alimentação e a produção nesta semana, quando esperam aumento da demanda, por ser período de início de mês e anteceder a Quaresma. “Outro fator que tem ajudado a impulsionar os preços é a tentativa de repasse do aumento desses custos às cotações dos ovos”, diz o Cepea.

Deixe seu comentário

Leia mais