Frango.
DATA: 12/12/2015

Município do Paraná investe em melhoramento genético de galinhas caipiras

Técnicos distribuíram folhetos sobre as instalações necessárias para a criação das aves, manejo e sanidade do plantel

Em Antonio Olinto (PR) um projeto da prefeitura e Instituto Emater está sendo implantado para melhorar a genética do plantel de galinhas caipiras do município.  O trabalho começou com a entrega de 5.000 aves, para 250 famílias de agricultores, no dia 25 de novembro.  Cada beneficiário do programa recebeu vinte aves, com peso em torno de 300 g cada, das linhagens pescoço pelado e pesadão.

 

De acordo com Régines Gassner, do Instituto Emater de Antonio Olinto, o programa tem como objetivo intensificar a produção de aves caipiras, diversificar as fontes de renda e disponibilizar fontes de proteína animal na dieta alimentar dos agricultores familiares.  “Andando pela área rural vimos que o plantel de aves das famílias do município está muito pobre geneticamente. São aves que demoram muito tempo para ganhar peso. Daí surgiu a ideia do programa e a administração comprou essas aves para doar aos produtores”, conta Gassner.

 

Ele disse ainda que a única exigência para ser beneficiário do programa era que a família já tivesse aves caipiras na propriedade. Os técnicos distribuíram folhetos sobre as instalações necessárias para a criação das aves, manejo e sanidade do plantel. Esporadicamente as famílias serão visitadas pelos técnicos para averiguar como as galinhas estão se desenvolvendo.

 

Em média cada família recebeu quinze galinhas e cinco galos. Gassner explicou que para fins reprodutivos um galo somente é o suficiente. Ele explicou que as famílias podem trocar os outros galos com vizinho ou criar as aves para engorda. “Com 120 dias as aves podem ser abatidas, mas como o objetivo é fazer com que as aves de raça cruzem com aquelas que as famílias já têm, acredito que os melhores resultados desse programa comecem a aparecer em seis meses”, diz Gassner.

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.