DATA: 19/01/2016

Ministério da Agricultura lança sistema eletrônico e reduz o uso de papel

O objetivo é agilizar as análises de processos e acabar com o estoque de papel, gerando economia de recursos

O Ministério da Agricultura (Mapa) começou a utilizar o Sistema Eletrônico de Informações (SEI), plataforma virtual de gestão e tramitação de documentos. O objetivo é agilizar as análises de processos e acabar com o estoque de papel, gerando economia de recursos públicos e eficiência na gestão. O sistema foi implantado em quatro meses, alterando a rotina de cerca de 11 mil servidores em todos dos Estados, inclusive em portos, fronteiras, aduanas e aeroportos.

 

A secretária Luzenir Pereira da Costa, que trabalha na Assessoria de Comunicação Social do ministério, em Brasília, foi uma das primeiras a fazer o curso de treinamento: “A tramitação das informações é bem mais rápida. Várias pessoas têm acesso ao mesmo documento simultaneamente”, diz.

 

Outros órgãos que aderiram ao SEI já perceberam economia significativa na compra de papeis e materiais de impressão. Levantamento do Ministério da Integração mostra que, de junho a setembro de 2015, a pasta reduziu em 60% o volume comprado de resmas de papel, 40% em canetas, 66% em etiquetas e 36% em clipes. “O sistema traz economia, transparência e agilidade aos processos”, afirma o diretor do Departamento de Gestão Estratégica, Alexandre Gedanken.

 

A implantação do sistema no Mapa foi oficializada por uma portaria publicada na edição de segunda-feira (18) do Diário Oficial da União, que define normas, rotinas e procedimentos de instrução do processo eletrônico. Para mais informações detalhadas sobre o sistema, clique aqui.

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.