Ministério da Agricultura cria câmaras setoriais da Pesca e da Aquicultura

Os representantes vão debater gestão pesqueira, processamento e fomento, propostas de projetos de lei e pendências do setor

Mais duas câmaras temáticas foram instaladas na quarta-feira (16/03) pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa): a da Pesca e da Aquicultura. Criadas por determinação da ministra Kátia Abreu, elas reúnem representantes do governo e do setor privado para analisar o cenário das duas cadeias produtivas e propor medidas para fortalecê-las, seja no aprimoramento da legislação ou em aspectos econômicos.

 

De acordo com o secretário nacional de Pesca e Aquicultura, Marlon Cambraia, a instalação das duas câmaras é importante para aproximar esses setores das políticas públicas traçadas pelo Mapa. “O ministério precisa da contribuição desses segmentos do setor privado.”

 

Os representantes da Câmara Setorial da Pesca definiram quatro temas prioritários para este ano: gestão pesqueira, processamento e indústria/infraestrutura e fomento, propostas de projetos de lei e debates sobre pendências do setor. Já os integrantes da Câmara Setorial de Aquicultura estabeleceram como prioridades estes assuntos: comercialização e competividade, licenciamento ambiental, crédito e fomento, sanidade, difusão e geração de novas tecnologias e águas da União. Nesta quinta-feira (17), o Mapa vai instalar a Câmara Setorial da Carcinicultura.

 

Deixe seu comentário

Leia mais