Suíno

Mercado externo deve sustentar suinocultura brasileira em 2017

Segundo o Cepea, as projeções de consumo de carne suína seguem desfavoráveis para o mercado doméstico

Após um ano difícil para a suinocultura brasileira, agentes do setor renovam as esperanças para 2017, mais uma vez pautadas no mercado internacional. Já o crescimento da produção doméstica, segundo pesquisadores do Cepea, deve ser mais comedido, mesmo com a expectativa de custos menores.

 

Isso porque, segundo o Cepea, as projeções de consumo de carne suína seguem desfavoráveis para o mercado brasileiro, que representa cerca de 85% do destino da produção nacional. A postura é de cautela para que não ocorra “sobreoferta” de carne no mercado doméstico, que, por sua vez, não tem absorvido facilmente excedentes de produção, mesmo a preços menores.

 

Leia mais:

Exportações de carne suína in natura cresceram 33% em 2016

Percevejo da soja: 7 fatos para tratar a praga que prejudica as plantações

Piscicultura: tecnologia com bioflocos permite reúso de água por três anos

O sonho da pulverização de precisão se tornou realidade

Cientistas desenvolvem metodologia inédita para controlar a mosca branca

Vai faltar água nas lavouras brasileiras?

8 tecnologias para controlar a ferrugem asiática na safra de soja 2016/17

Adesivo detecta o cio das vacas e pode melhorar os índices reprodutivos

7 dicas para ter sucesso na plantação de tomate cereja

Lagarta-do-cartucho: 9 fatos para combater a pior praga do milho

Clima favorece o desenvolvimento da ferrugem asiática

 

Cadastre-se para receber notícias gratuitamente por e-mail: sfagro.com.br/cadastro

O que você gostaria de ler? Para pedir uma reportagem, clique aqui e envie uma mensagem para a redação da Successful Farming Brasil.

 

Deixe seu comentário

Leia mais