DATA: 18/02/2016

Menor oferta mantém preços da arroba de boi gordo firmes

Quanto às exportações, desde agosto, o preço médio pago por tonelada do produto in natura registra média acima de R$ 15 mil

Os preços da arroba de boi gordo estão firmes neste mês. O Indicador ESALQ/BM&FBovespa (Estado de São Paulo) fechou a R$ 154,81 nessa quarta-feira (17/02), alta de 1,71% no acumulado parcial do mês. Os valores têm sido sustentados pela baixa oferta de animais para abate. Com isso, os preços no atacado também tem se mantido firmes. Quanto às exportações, desde agosto, o preço médio pago por tonelada do produto in natura (desossado) registra média acima de R$ 15 mil, de acordo com dados da Secex.

 

Em setembro, a média chegou ao recorde de R$ 17.767/t e, em janeiro, apesar de ter baixado para R$ 15.850/t, é ainda bastante superior ao preço de janeiro de outros anos – no comparativo com 2015, por exemplo, o avanço é de 36%. Em 2015, o preço médio, também em reais, esteve 30% superior à média de 2014, com o quilo a R$ 14,41. Apenas como comparativo, a carcaça casada com osso no atacado da Grande São Paulo teve média (valores atualizados pelo IGP-DI de jan/16) de R$ 10,07/kg em 2015.

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.

Leia mais