agropecuária. produtores rurais. produtos agrícolas. soja. exportação. farming brasil
DATA: 16/02/2016

Governo paga R$ 2,3 milhões em Garantia Safra no Rio Grande do Norte

O Garantia Safra é um seguro para as famílias de agricultores que vivem no Nordeste, Norte de Minas Gerais, Vale do Jequitinhonha e Espírito Santo

O Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape), pagou no dia 29 de janeiro a contrapartida do Garantia Safra 2014/2015 para a região II. Foram repassados R$ 2.361.912,00 aos 65 municípios que compõem a área.

 

Com o pagamento de R$ 2.757.200,25 em novembro do ano passado para os agricultores da região I, o investimento total do Executivo no Garantia Safra 2014/2015 ultrapassa R$ 5,1 milhões. Estima-se um impacto de R$ 46,9 milhões na economia dos municípios das duas regiões.

 

Na primeira etapa, 30.893 agricultores de 86 municípios pertencentes à região I receberam o benefício. O pagamento mexeu com a economia das cidades, gerando um impacto de R$ 26,2 milhões. Dessa vez, serão beneficiados 24.464 agricultores da região II, que ainda precisam comprovar as perdas devido à falta de chuvas para acessar o seguro.

 

A expectativa é que o repasse do montante gere um impacto de R$ 20,7 milhões na economia dos municípios. Para a safra 2015/2016 o Governo do Estado já garantiu 65 mil cotas de agricultores para o programa. Para o secretário Haroldo Abuana, honrar o pagamento do Garantia Safra para as duas regiões faz parte do compromisso do governador Robinson Faria com os agricultores potiguares.

 

“Apesar das recentes chuvas, a nossa agricultura ainda sofre muito os efeitos da seca prolongada e o Garantia Safra se constitui numa fonte de renda muito importante para o produtor rural neste momento”, diz o secretário.

 

Garantia Safra

O Garantia Safra é um seguro para as famílias de agricultores que vivem no Nordeste, Norte de Minas Gerais, Vale do Jequitinhonha e Espírito Santo. O agricultor familiar que adere ao programa com renda de até 1,5 salário mínimo tem a garantia de receber o seguro, em caso de seca ou enchente que causem a perda de pelo menos 50% da produção do município.

 

Os recursos são provenientes do Fundo Garantia Safra, formado por contribuições da União, Estados, Municípios e agricultores familiares. O agricultor beneficiado irá receber o seguro no valor total de R$ 850,00 em cinco parcelas de R$ 170,00.

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.