DATA: 18/02/2016

Goiás se engaja na campanha de combate ao Zika vírus

Fiscais do ministério começaram esta semana a orientar funcionários de um laticínio da capital

A Defesa Agropecuária em Goiânia (GO) está fazendo trabalho de conscientização nas indústrias no combate contra o Zika vírus, dengue e a chinkungunya. O fiscal agropecuário, Du Perron Carvalho, começou a orientar toda a equipe de limpeza de uma grande indústria de laticínios, que tem uma unidade na capital goiana.

 

Os funcionários já estão adotando boas práticas no combate ao mosquito Aedes Aegypti. “Já acrescentei nas minhas atividades diárias, além do que faço como fiscal agropecuário, as medidas de orientação e conscientização da equipe de limpeza. Vemos aqui áreas de risco onde podem surgir focos do mosquito. Precisamos ajudar os estabelecimentos a estarem limpos e protegidos dessas doenças”, disse Du Perron.

 

Segundo o chefe da equipe de limpeza da empresa, Almisson Silva, a fiscalização do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) está ajudado muito a orientar os funcionários. “Du Perron está sempre cobrando e nos ajudando a fazer vistoria na fábrica”, destaca.

 

Seguindo a orientação do governo federal, desde janeiro o Mapa está fazendo uma grande campanha de conscientização e prevenção contra o mosquito Aedes aegypti. São mais de 26 mil servidores espalhados por todo o país – incluindo os funcionários de órgãos vinculados – que podem ser mobilizadores e voluntários em ações de combate à proliferação do mosquito nos locais onde o ministério está presente. O ministério tem 905 imóveis, além de 800 armazéns. E em mais de 33 mil estabelecimentos o Mapa desenvolve ações de defesa agropecuária.

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.