Colheita de milho
DATA: 10/12/2015

Exportações do agronegócio avançam 8,2% em novembro

Embarques somaram US$ 6,63 bilhões e venda externa de soja foi um dos destaques do mês passado

As exportações do agronegócio brasileiro em novembro deste ano tiveram aumento de 8,2% em comparação com igual mês de 2014. Os embarques de setor somaram US$ 6,63 bilhões, ante US$ 6,13 bilhões de novembro do ano passado. Em valores absolutos, houve um acréscimo de US$ 501,44 milhões.

 

Os números foram divulgados na quarta-feira (09/12) pela Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio (SRI) do Ministério da Agricultura (Mapa). Ainda de acordo com os dados da SRI, as importações do agronegócio em novembro caíram 20,3% em relação ao mesmo mês de 2014, passando de US$ 1,25 bilhão para US$ 993,31 milhões. Com isso, o superávit da balança do setor foi de US$ 5,64 bilhões.

 

“O aumento das exportações só não foi maior por causa da queda, quase generalizada, dos preços médios dos principais produtos de exportação do agronegócio”, afirma a secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio, Tatiana Palermo.

 

Carnes, complexo soja, cereais, farinhas e preparações, produtos florestais e açúcar e álcool foram os principais setores exportadores. Eles foram responsáveis por 72,5% de todos os embarques do agronegócio em novembro. Embora tenha ficado em primeiro lugar entre os principais produtos exportados, as carnes tiveram recuo de US$ 1,43 bilhão de novembro de 2014 para US$ 1,29 bilhão (-9,7%) no mês passado.

 

Os embarques de carne de frango somaram US$ 596,53 milhões, com queda de 9,2% em novembro. As exportações de carne bovina tiveram retração de 6,8%, a carne suína, de 11,6% e a de peru, de 31,1%. Já o complexo soja teve desempenho positivo.

 

Os embarques do setor aumentaram em 68% em valor. A quantidade exportada de soja em grão subiu de 176 mil toneladas para 1,44 milhões de toneladas (+719,2%) no período. “Mesmo com a queda do preço médio em 16,9%, o valor exportador de soja em grão cresceu de US$ 80,92 milhões em novembro de 2014 para US$ 551,02 milhões no mês passado”, diz Tatiana Palermo. As exportações de farelo de soja e óleo de soja caíram 7,4% e 7,6%, respectivamente.

 

Segundo a nota técnica da SRI, os cereais, farinhas e preparações ficaram na terceira posição no ranking dos principais produtos exportados, registrando forte crescimento. As vendas do setor subiram de US$ 590,02 milhões em novembro de 2014 para US$ 862,01 milhões no mês passado, com aumento de 46,1%.

 

O milho foi o principal produto exportado do setor, com 92,7% do valor comercializado. Os embarques de arroz também arroz também se destacaram, subindo de US$ 23,67 milhões em novembro de 2014 para US$ 43,11 milhões no mês passado.

 

Os produtos florestais ficaram na quarta posição, passando de US$ 753,66 milhões para US$ 813,30 milhões no período analisado. Quinto colocado no ranking da balança comercial do agronegócio, o complexo sucroalcooleiro teve recuo nas vendas externadas, que passaram de US$ 823,10 milhões em novembro de 2014 para US$ 780,04 milhões no mês passado.

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.