DATA: 16/11/2015

Exportações de milho seguem aquecidas e os preços permanecem firmes

Com preços de exportação atrativos aos vendedores nacionais, produtores adiam a comercialização do cereal

Após as exportações atingirem novo recorde em outubro, os embarques seguiram aquecidos no início de novembro, sustentando as cotações do grão no mercado doméstico.

 

Na sexta-feira, dia 13 de novembro, o Indicador ESALQ/BM&F Bovespa para a região de Campinas (SP) fechou a R$ 33,82 por saca de 60 quilos, ligeira alta de 0,15% frente ao da sexta anterior. Com preços de exportação atrativos aos vendedores nacionais, produtores seguem adiantando a comercialização do cereal.

 

Em divulgação feita na terça-feira, dia 10, a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) ajustou para cima as estimativas das exportações brasileiras da atual temporada para 29,69 milhões de toneladas, recorde.

 

Com informações do Cepea

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.

Leia mais