DATA: 14/10/2015

Embrapa e CeasaMinas reúnem produtores para avaliação de milho verde

Foram convidados 26 produtores que receberam 10 quilos de sementes de uma nova cultivar do alimento

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e as Centrais de Abastecimento de Minas Gerais S.A. (CeasaMinas) promoveram uma reunião com produtores de milho verde em 7 de outubro, para apresentar uma proposta de trabalho para avaliação de uma cultivar de milho verde da Embrapa.

A reunião foi realizada na CeasaMinas, em Contagem-MG. Foram convidados 26 produtores que fornecem milho verde regularmente à CeasaMinas. Cada produtor recebeu 10 quilos de sementes, que serão plantadas em uma área de meio hectare, ou 5 mil metros quadrados.

De acordo com o gerente do Escritório de Negócios da Embrapa Produtos e Mercados de Sete Lagoas-MG, Reginaldo Rezende Coelho, esta área plantada será qualificada como uma Unidade de Demonstração e Observação. “Os produtores receberão orientações técnicas sobre o plantio e condições para avaliar a nova cultivar por meio de um questionário elaborado pela Embrapa Produtos e Mercados, responsável pela multiplicação das sementes de milho verde. A Embrapa se comprometerá a fazer visitas e análises periódicas, para avaliar os dados colhidos pelo produtor, referentes às características agronômicas e desempenho técnico da cultivar de milho”, disse Reginaldo.

Durante a reunião, o engenheiro agrônomo da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG), Israel Alexandre Pereira Filho, apresentou as características do milho verde para os produtores e ressaltou que a nova cultivar vem apresentando bons resultados. “A avaliação deste novo material pelo produtor, nas condições de plantio de sua região, é muito importante. O material da Embrapa é um híbrido triplo que tem um nível de produtividade e uma aparência muito semelhantes aos do híbrido duplo AG 1051, já no mercado de milho verde por algum tempo. É mais uma opção para o produtor que se dedica ao cultivo de milho verde. O mesmo trabalho de Unidades de Demonstração e Observação será feito também em Uberlândia-MG, Brasília e Goiânia-GO”, relatou Israel.

O diretor financeiro da CeasaMinas, Gustavo Costa de Almeida, considera que esta parceria é muito positiva, pois integra o trabalho de duas instituições federais que colaboram para o fortalecimento do agronegócio no Brasil. “A Embrapa viabiliza o produto e a pesquisa. E a CeasaMinas vive o dia a dia do mercado e tem a função de fomentar e regularizar o mercado de abastecimento com produtos de qualidade. Essa é uma oportunidade de apresentar e trabalhar a cultivar de milho verde da Embrapa, junto com o produtor”, disse Gustavo.

Já o assistente de gestão de qualidade da CeasaMinas, Raymundo Motta Moreira, afirmou que os produtores gostaram de receber o convite da Embrapa e se interessaram muito em conhecer a nova cultivar de milho verde. “E, no futuro, vamos fazer o acompanhamento da produção desta cultivar no mercado até ao consumidor”, afirmou Raymundo.

O produtor de milho verde, de Nova Serrana-MG, André Gonçalves Ferreira, tem uma área de 24 hectares onde cultiva o cereal e produz de 700 a 800 sacos de milho verde por hectare. “Acompanho o trabalho da Embrapa e sou leitor assíduo do livro “Milho – 500 perguntas 500 respostas”. Eu acredito que será uma boa oportunidade para conhecer e testar esta nova cultivar de milho no campo, e, principalmente, ter este contato direto com a equipe da Embrapa”, comenta André.

Além dos produtores de milho verde, participaram também da reunião funcionários da CeasaMinas e estudantes do curso de Agronomia da Faculdade FEAD (Centro de Gestão Empreendedora), de Belo Horizonte-MG.


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.

Leia mais