Café
DATA: 16/02/2016

Embarques de café torrado e moído crescem 147% em janeiro

O preço pago ao produtor se mantém estável, em média R$ 491,31 para o arábica e R$ 389,07 para o café conilon

As exportações brasileiras de café torrado e moído alcançaram cerca de 2,3 mil sacas de 60 kg em janeiro deste ano. O volume representa um aumento de 147,42% na comparação com o mesmo período de 2015, quando foram embarcadas 912 sacas. Em janeiro, o produto representou 8% do comércio exterior do agronegócio brasileiro. A União Europeia foi o principal mercado importador do café embarcado. Outros mercados são os Estados Unidos, Japão, Turquia e Canadá.

 

O preço pago ao produtor se mantém estável, em média R$ 491,31 para o arábica e R$ 389,07 o conilon. As vendas externas totais do produto – somando café verde e industrializado – chegaram a 2,7 milhões de sacas no mês passado, com recuo de 7,6% ante um ano antes (2,98 milhões de sacas).

 

Os dados constam do Informe Estatístico do Café, publicado mensalmente pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Na publicação estão consolidados números de produção, área plantada, produtividade, consumo interno, estoques públicos e privados, preços e o ranking de produção e consumo mundiais.

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.

Leia mais