Chuvas em Minas Gerais e São Paulo favorecem lavouras de café arábica

Já no Paraná, a situação é diferente, as chuvas mais fortes e incidentes há mais tempo estão dificultando os cuidados com as lavouras

Nos últimos dias, a ocorrência de chuvas favoreceu as lavouras de arábica de Minas Gerais e de São Paulo. Produtores se animam e realizam os tratos culturais, especialmente a adubação, que havia sido reduzida em anos anteriores, por conta do clima seco e da falta de caixa dos produtores.

 

Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), no Paraná, as chuvas mais fortes e incidentes há mais tempo estão dificultando os cuidados com as lavouras, até mesmo a adubação. “Diferentemente, os cafezais de robusta no Espírito Santo sentem a falta de chuva. As precipitações pontuais desde a floração continuam insuficientes para garantir uma boa granação e dificultam as adubações recomendadas”, diz o Cepea.

 

Deixe seu comentário

Leia mais