DATA: 21/10/2015

Após subir até 18% na 1ª quinzena, preço do ovo enfraquece

Além da demanda firme no início do mês, pesquisadores do Cepea indicam que a oferta relativamente justa contribuiu para sustentar cotações

As cotações dos ovos encerraram a primeira quinzena de outubro em alta, com as valorizações chegando a 18% no balanço do período em algumas regiões acompanhadas pelo Cepea. Além da demanda firme no início do mês, pesquisadores do Cepea indicam que a oferta relativamente justa, reflexo dos descartes e do forte calor, contribuiu para sustentar as cotações.

Para a segunda quinzena deste mês, porém, os fundamentos começam a sinalizar mudança. Além do menor consumo típico de fim de mês, a entrada de ovos caipiras no mercado já estaria limitando as valorizações dos ovos vermelhos. Segundo colaboradores do Cepea, compradores vêm reclamando da qualidade dos ovos, prejudicada em algumas regiões do País pelas altas temperaturas.

Com informações do Cepea.

 

 


Comente essa notícia.

Faça seu cadastro ou login gratuito para enviar comentários.